Evolução mensal das dívidas #2 (31 de Maio de 2018)

Saiu este sábado o mapa de responsabilidades de crédito de 31 de Maio (sim, este “delay” de quase um mês é normal, é mesmo assim), pelo que é altura de olhar para os progressos (um pouco arredondados, como sempre) no pagamento das dívidas desde o fim de Abril:

  • Cartões de crédito: 3020€ (menos 255€ que no mês anterior)
  • Créditos: 30815 (menos 230€ que no mês anterior)
  • Carro: 333 (menos 333€ que no mês anterior)

Cartões + carro: 3353€

Total em dívida (incluindo a prestação final do carro, entretanto já paga): 34168€.

Evolução dos cartões de crédito + carro: menos 588€.

Evolução total desde o fim de Abril: menos 818€.

Chamo à atenção para estes valores já terem uns 25 dias de atraso (por estarem dependentes do mapa de responsabilidades). Por exemplo, como acima mencionado, já acabei de pagar o carro.

O objectivo mantém-se: pagar a totalidade dos cartões de crédito até (no máximo) Novembro. Penso que se conseguirá sem grandes problemas, não só por no fim de Julho (e meses seguintes) já não estar a pagar o carro (ou seja, mais 333€ que posso usar para pagar os cartões), como por ainda haver o subsídio de verão 1 (a empresa onde trabalho reparte-os por Maio, Junho e Julho, e este ano calhou-me em Julho). Vou ter férias mais ou menos daqui a um mês, mas não antevejo grandes gastos nas mesmas. Acho, portanto, que vai correr tudo bem. 🙂

Evolução mensal das dívidas #1 (30 de Abril de 2018)

Saiu hoje o mapa de responsabilidades de crédito de Abril, por isso… bem-vindos/as ao primeiro post da série “Evolução mensal das dívidas”, em que listo (de forma arredondada, sempre) as dívidas actuais (créditos e cartões de crédito), e comparo as mesmas com a situação no mês passado. Sendo este o primeiro post da série, a comparação será com o post Situação actual, e planos gerais com que (mais ou menos) comecei o blog, mas vai dar ao mesmo.

Sendo assim, aqui vai:

  • Cartões de crédito: 3275€ (menos 240€ que no mês anterior)
  • Créditos: 31045€ (menos 220€ que no mês anterior)
  • Carro: 666€ (menos 333€ que no mês anterior)

(Nota: já tinha contado no post anterior com a prestação do carro paga no fim de Abril, mesmo não estando ainda disponível o mapa, por isso não há alteração desde então. A próxima será no fim de Maio.)

Cartões + carro: 3941€. (Menciono isto em separado devido ao objectivo que indico no fim do post.)

Total em dívida (incluindo as 2 prestações finais do carro): 34986€.

Evolução dos cartões de crédito + carro: menos 573€.

Evolução total desde o fim de Março: menos 773€. Não foi mau, por um lado, mas por outro lado foi o mês em que recebi o reembolso do IRS; não teria conseguido reduzir tanto se não fosse o dito. Por (ainda) outro lado, tive as férias no início de Maio, onde gastei mais de 150€ (e isto numa casa de familiares emprestada), além de que só mais recentemente é que comecei a melhorar a frugalidade relativa ao entretenimento.

Para já, o objectivo continua a ser acabar Novembro com as dívidas dos cartões 1zero. Não vai ser fácil (até porque se metem as férias de Verão), mas acredito que vou conseguir. 🙂